sábado, 4 de novembro de 2017

Poesia-me

Poesia-me.
Faz de mim o teu soneto,
A tua melhor rima,
Aumenta a minha auto-estima

Poesia-me sempre.
Utiliza a tua ironia,
O teu sarcasmo,
O teu melhor pleonasmo

Poesia-me bem.
Acredita no passado,
Hiperboliza o nosso amor,
Brinca com a nossa dor

Poesia-me à vontade.
Afaga as sílabas, escolhe cada palavra,
Faz da conjugação a tua amada,
Torna a pontuação tua aliada, 

Poesia-me mais e mais.
Mais que muito, mais que tudo,
Grita a metáfora que tens dentro de ti,
Torna-me o poema que nunca li

Poesia-me demais.
Torna-me humano, desalinhado, 
Sonhador, obstinado, 
Mortal e apaixonado.

Sem comentários:

Enviar um comentário