sábado, 14 de janeiro de 2017

Por isso é tão importante perceber/ver o prazo de validade dos produtos

Um certo "estoumecagandismo" não explica tudo.

No século XXI, o dr. Soares limitou-se a passear devoção por ditadores e figuras particularmente sinistras, a sujeitar-se a enxovalhos eleitorais, a participar em encontros de alucinados contra a troika e um governo eleito, a visitar certos presidiários de Évora, a abominar o "neoliberalismo" e de facto os regimes ocidentais. Transformado num anacronismo "revolucionário", o dr. Soares deixou de ser contraditório e, em suma, interessante. Passou os últimos anos a parecer negar-se a si mesmo. A História dirá se negou o suficiente. Ou se negou de todo.


Alberto Gonçalves, Revista Sábado

Sem comentários:

Enviar um comentário